23/04/2012

Por

Ana



Nos canais de Amsterdam

E a pergunta da semana é: o que você vai fazer no dia da rainha? Sim minha gente, o dia da rainha está chegando. Como disse uma menina do meu trabalho hoje durante o almoço ‘daqui há uma semana a essa hora estaremos tomando uma cerveja’. Para quem não sabe, dia 30 de abril é o dia mais esperado do ano. O país pára para festejar. Amsterdam fica dominada por holandeses e não holandeses vestidos de laranja andando pelas ruas, dançando em barcos e bebendo. Bebendo muito, mas muito mesmo. Fora isso, durante o dia da rainha acontece por aqui o maior mercado de pulgas do mundo. É que nesse dia é liberado vender qualquer cacareco nas ruas. É o momento ideal para fazer aquela limpeza em casa e colocar todas as tralhas na porta de casa mesmo. Bom, voltamos à pergunta inicial, o que fazer no dia da rainha? Não sei! Há alguns anos atrás, teria a resposta na ponta da língua. No koninginnenacht (noite anterior ao dia da rainha), encontraria os amigos no Jordaan (um bairro aqui do centro) e ali ficaríamos curtindo a noite até cansar. No outro dia sairia da cama às onze da manhã (eee vidão) e ao meio dia me reuniria com os mesmos amigos da noite anterior, de ressaca, no barco. Bom, daí a festa começaria de verdade. Passaríamos o dia pelos canais, dançando e curtindo o tal do dia da rainha. Isso, como eu disse, seria minha resposta há alguns anos atrás. Agora com as crianças a vida mudou. Não para pior, pelo contrário! Me diverti muito ano passado com a Julia fazendo altas compras na feira livre do bairro. Com menos de 10 euros negociamos uma barraca de princesa, um teletubbies com som, um moletom (fazia mais frio do que eu imaginava) e uma botinha de couro linda (essa saiu por 2 euros!). Então, esse ano, faça sol ou chuva estaremos lá, com toda a família comemorando. O que vamos fazer? Ainda não sei, o importante é estarmos juntos. Se bem que uma bela faxina aqui em casa seria uma boa…

Julia e sua amiguinha ‘namorando’ uns brinquedos durante o vrijmarkt (feira livre)