02/12/2015

Por

AnaAna

O inverno chegou (de novo) na Holanda trazendo baixas temperaturas, chuva e tempestades de vento. E para lidar com o frio há apenas uma solução: se agasalhar bem. Então aqui 5 dicas do que usar no inverno na terra dos moinhos. Não espere dicas fashion pois não entendo de moda. Sou prática e não quero que você passe frio. Simples.

Típico dia de inverno em Amsterdam

1. o casaco

Acho que o mais importante é ter um casaco de qualidade, se possível impermeável porque aqui chove bastante. Invista em um bom modelo, de preferência mais comprido, que cubra bem suas costas. Não há nada pior do que sentar, o casaco subir e você sentir aquele vento gelado na lombar. Juro.

Eu fiz um video com meus casacos de inverno, como moro aqui há muito tempo, tenho mais de um. Detalhe para a nevasca durante a gravação.

Existem muitas lojas e boas ofertas em Amsterdam, mas se não quiser correr o risco de chegar aqui e não encontrar algo do seu gosto ou tamanho, uma boa opção é comprar online. Eu gosto bastante da ASOS.com, eles tem bastante modelos e preços. Eles entregam rápido no mundo inteiro. Para as crianças compro regularmente na Kleertjes.com, um site holandês. Normalmente espero as ofertas começarem.
Outra coisa que aprendi aqui: sempre usar uma regata por baixo da blusa. Sabe aquelas regatas fininhas, de alcinha? Essa mesmo. Coloco por dentro da calça para manter as costas aquecidas. As crianças também não saem de casa sem as “hemdjes”. E meu holandês sempre usa uma camiseta debaixo da camisa. Eu gosto muito das regatas de algodão orgânico da Hema, são boas e baratas.

2. mantenha cabeça e pés aquecidos

Minha avó já dizia {ou seria minha mãe?}”cabeça e pés quentes, corpo quente”. É uma regra básica para quem tem criança também. Então além do casaco, vale a pena ter um gorro, cachecol e uma boa luva. Eu sou super fã da Barts para mim e para as crianças. Ultimamente tenho usado muito chapéu, na Bijenkorf tem bastante opções.

 

Esta luva de fleece com touch (para poder usar o smartphone) é tudo de bom! O chapéu vinho da Maison Scotch não sai da minha cabeça; gorro infantil e luva infantil (com cordinha para não perder) são da Barts. 

3. roupas térmicas

Quando minha família está na Holanda, eles não vivem sem roupas térmicas, uma espécie de segunda pele. São camisetas e calças tipo mijão de bebê {um charme} para usar por baixo de tudo, dá uma esquentada legal. Eu também compro muito para as crianças. Há em muitas lojas, eu gosto da Hema, pois a qualidade é boa e o preço é justo. Quentinho e baratinho!

Lojas de esporte também vendem este tipo de roupa, procure na sessão “wintersport“, esporte de inverno. Outras opções baratas você encontra nas lojas Decathlon, Zeeman e Action.

4. sola de borracha

Eu cheguei aqui em um mês de fevereiro com neve e uma das primeiras coisas que tive que fazer foi comprar sapatos novos. Não que eu não tivesse suficiente, havia trazido até demais, mas todos com salto e sola de couro. Resultado: não conseguia andar nas ruas de pedra daqui e quase congelei. No inverno vale a pena ter uma bota de frio, com sola grossa de borracha {para não escorregar no gelo} e de preferência com revestimento de pelo. Nem que seja só para você andar na rua e levar um sapatinho fino na bolsa. Sem €€ para a bota? Use um bom tênis, quebra o galho, acredite. Outra ideia é comprar uma palmilha de pêlo e usá-la dentro do seu calçado de habito, vende na loja Van Haren.

5. o truque master: camadas

O truque é usar camadas! Você sai de casa parecendo uma cebola, cheia de capas, sério. Na rua faz frio, mas dentro dos lugares e casas tem calefação o que deixa tudo bem aquecido {cerca de 20 graus, nada de temperaturas tropicais, ok?}. Então você, ao entrar em um lugar, tira o casaco, luvas, gorro e cachecol. Fica só de blusa térmica e vamos supor, um casaquinho ou uma blusinha mais quentinha por cima. Depois de tomar um belo chocolate quente com slagroom {chantilly}, você está suando. Daí você tira a blusa e se arrepende de ter saído de casa com camiseta térmica… até você ir para a rua novamente e ter que vestir tudo outra vez!