26/06/2021

Por

AnaAna

Você juntou dinheiro, organizou a papelada e fez as malas para Holanda. Seja bem-vindo! Chegando aqui você deverá cumprir algumas obrigações como morador. Aqui um passo a passo do que você deve fazer e providenciar assim que se mudar para o país.

Passo a passo para morar na Holanda

Cadastre-se na prefeitura depois de mudar para a Holanda

Logo após se mudar para a Holanda, você deve se registrar no município onde vai morar caso tenha planos de viver aqui por mais de 4 meses. Entre em contato com a prefeitura – no máximo 5 dias após sua chegada – e marque um horário. Quando você se registrar, o município fornecerá:

  • Um número de atendimento ao cidadão (BSN) para contato com o governo – tipo um CPF.
  • Registro no Banco de Dados de Registros Pessoais (BRP) onde todos os habitantes da Holanda (residentes) estão registrados.

Procure uma casa 

Na verdade eu acho que a busca pela casa deve começar antes da mudança, antes mesmo de desembarcar no aeroporto de Schiphol. Por que? Porque você vai precisar de uma casa, de um endereço fixo, para se registrar na prefeitura. Alem de ter um quarto para dormir…

A busca por casa aqui é acirrada. Não tem fiador no caso de aluguel mas a concorrência é altíssima. Neste artigo sugiro alguns bairros para morar em Amsterdam, e neste aqui indico uma corretora brasileira que pode te ajudar nesta busca.

Faça um seguro saúde

Seguro de saúde é obrigatório no país. Voce terá quatro meses após seu registro na prefeitura para escolher e contratar um plano.

Existem inúmeras empresas que oferecem plano de saúde. ​Alguns sites para comparar e escolher o plano de saúde:

Encontre um huisarts (clinico geral) 

Você não é obrigado a consultar um clínico geral. Mas é bom fazer isso, ja deixar organizado para receber atendimento quando precisar. Consulte o seu município ou seguradora de saúde. As vezes vale a pena perguntar para os vizinhos se eles tem indicação e boa experiencia com algum profissional específico.

Quer saber mais sobre a vida na Holanda? Baixe o guia Morar na Holanda, um guia prático sobre a vida no país!

Inscreva-se no DigiD

Aqui a gente se comunica com o governo através de uma identidade digital (DigiD). Desde o imposto de renda até marcar a vacina contra a Covid-19 é feito por meio desta identidade digital.

Verifique os benefícios fiscais

Você pode ter direito a um ou mais beneficios. O recebimento dos benefícios depende de sua renda. Por exemplo:

  • subsídio de creche se tiver filhos que frequentam creche ou creche após a escola;
  • benefício de moradia se você mora em uma casa alugada;
  • subsídio de saúde se tiver seguro de saúde holandês;
  • orçamento infantil (kindgebonden budget) se você tiver filhos menores de 18 anos.

No site do Ministério das finanças tem mais informações.

Inscreva seus filhos na escola

Beneficio infantil (kinderbijslag)

Você tem filhos menores de 18 anos? Assim que você estiver registrado na sua cidade, você pode solicitar o abono de família para as crianças, o kinderbijslag, no Banco de Seguro Social. Com este benefício, o governo contribui com os custos associados à criação de seu filho. O benefício infantil termina quando seu filho completa 18 anos.

Pague impostos

Se você mora nos Países Baixos, você paga (muitos) impostos. Faz parte da vida por aqui. Não se preocupe: você receberá automaticamente uma carta das autoridades fiscais (Belastingdienst) sobre a declaração de imposto de renda assim que se mudar para a Holanda.